O yoga é uma prática que existe a tanto tempo que não é possível saber ao certo sua real origem. Muito difundido na Índia, fruto da filosofia védica da região, hoje é conhecido e praticado em toda parte do mundo por pessoas que buscam tanto condicionamento físico quanto equilíbrio e paz mental e espiritual. No ocidente sua prática está associada a busca pela união do corpo com a mente, a fim de trazer calmaria e paz de espírito para os que praticam.

Todo o trabalho feito no yoga, como as posturas (asanas), técnicas respiratórias (pranayamas), controle dos sentidos (pratyahara), concentração (dharana) e meditação (dhyana) tem como resultado final acalmar a mente e trazê-la para o momento presente, fornecendo assim mais concentração, equilíbrio mental e emocional e consequentemente força e condicionamento físico e energético.

Esta disciplina mental e física que o yoga proporciona, não só fortalece os ligamentos, a concentração no momento presente, mas também pode aliviar condições dolorosas, o que é definitivamente uma vantagem quando vinculado à práticas esportivas.

No surf, o yoga ajuda não apenas a purificar a mente de modo a concentrar-se unicamente no que faz dentro d’água, mas também auxilia na respiração, que deve ser profunda, prolongada e oriunda do centro de cada um. Isto sem falar na óbvia melhoria no aspecto da flexibilidade, permitindo, através dos asanas, um surf mais fluído e natural fruto dos movimentos muito semelhantes aos necessários para a prática deste esporte. Mas o melhor mesmo é fazer como no surf: uma prática acompanhada, então, vamos praticar!