Yoga e Ecologia

A palavra “Ökologie” deriva da junção dos termos gregos “oikos”, que significa “casa” e “logos”, que significa “estudo”. Assim, a ecologia estuda todos os seres vivos e a relação destes com o meio. Em 1979, Lovelock desenvolveu a hipótese de Gaia que foi fortalecida pelos estudos de Lynn Margulis. Essa hipótese diz que que a Terra é, na verdade, um superorganismo vivo, capaz de obter energia para seu funcionamento, regular seu clima e temperatura, eliminar detritos e combater suas próprias doenças, ou seja, ela se auto-regula. Ainda de acordo com a hipótese de Gaia o meio e os seres vivos são capazes de viver em equilíbrio.

Aqui, podemos traçar um paralelo com o Yoga. Segundo o Bhagavad-Gitâ, Yoga é samatva (equilíbrio). No Yoga, não só buscamos equilíbrio físico e emocional mas também o equilíbrio e a integração com o meio ambiente. A interiorização dos sentidos, a meditação e os pranayamas ( técnicas de respiração) só são possíveis em um ambiente de paz, de tranquilidade, em um ambiente puro, sem poluição e agentes tóxicos. Além disso, um dos principais objetivos do Yoga refere-se a tolerância e ao respeito por todos os seres que habitam o nosso planeta.

Por Ana Carolina Clemente

win_20161116_16_32_38_pro


Post Your Thoughts