Kurmasana, Postura da Tartaruga

O Deus Vishnu é o responsável pela manutenção do universo. Quando o mundo está sendo ameaçado por algum mal esse Deus pode assumir diversas formas (avatares – deriva do sânscrito “avatara”, “descida”) para resolver o problema na Terra. No total são 10 avatares, à saber: Matsya (Peixe), Kurma (tartaruga), Varaha (javali), Narasimha (homem-leão), Vamana (anão), Parashurama (homem com machado), Rama (arqueiro), Críxena (Krishna), Buda (Sidarta Gautama, o iluminado) e Kalki (espadachim montado a cavalo).

Muitos asanas no Hatha Yoga trabalham simulando as posturas destes avatares. Hoje, vamos falar da Kurmasana, postura da Tartaruga. Na forma de uma tartaruga, Vishnu (Kurma) é representado com a parte de baixo sendo uma tartaruga e a parte de cima sendo um humano. Essa postura fortalece os músculos flexores das coxas, os músculos extensores dos joelhos e trabalha o alongamento dos pés.

Esse asana trabalha principalmente os Chakras Svadhistana, Manipura e Ajna (chakra esplênico, umbilical e frontal, respectivamente), por isso, essa postura é indicada para pessoas que estão com algum problema no intestino – associado ao Manipura Chakra, dificuldade de memória e racioncínio – Ajna Chakra, falta de vitalidade e enfraquecimento geral – Svadhistana Chakra.

A  tartaruga representa a condição de pratyahara que é quando o praticante de Yoga volta os seus sentidos para dentro, tal qual a tartaruga que se recolhe em si mesma. Este animal também representa a longevidade e nos passa a rigidez e dureza do corpo e de seus movimentos e quando nos sentimos ou estamos assim é quando estamos com os músculos enrijecidos. Este enrijecimento do corpo físico vem tanto da falta de movimentos bem como do excesso de tensão que decorre dos medos de enfrentar, de reagir, de entregar-se e de existir na vida em sua plenitude.

Uma dica importante é prestar atenção ao alinhamento do corpo, à fixação do olhar e a concentração na sua resíração enquanto estiver em Kurkumasana. A fixação na ponta do olhar (nasagra distri) ajuda muito no controle da mente, voltando-a para o silêncio.

Boa prática!

Paz e Bem.

Por Ana Carolina Clemente

 

 kurma


Post Your Thoughts