A Criação do Mundo e a Trindade Hindú

tumblr_m92r3x8t3h1qgjli8o4_r1_1280

Na filosofia hindu, que é baseada nos Vedas (Escrituras Sagradas, do sânscrito, “veda” – “conhecimento divino” ou “autoridade de conhecimento”), existe uma parte que trata da criação do mundo. Segundo os Vedas, o mundo teria sido criado a partir da respiração do corpo de Deus. Assim como ocorre no Cristianismo que acredita em uma trindade sagrada, o hinduísmo acredita na trimúrti dos deuses Brahma, Vishnu e Shiva.
Brahma, a partir de sua respiração criou o Universo, todos os seres e a alma humana. No entanto, este universo é cíclico e está em constante contração e expansão, havendo a destruição e a regeneração do mundo. Vishnu é a personificação do espírito de conservação e desce à Terra sob várias formas, avatares, para protegê-la quando existe perigo. Um dos avatares mais conhecidos e celebrados de Vishnu é Krishna. O deus responsável pela destruição é Shiva que ao mesmo tempo é responsável pela regeneração, já que prepara o Universo para uma nova criação.
A aparência de Brahma é muito bonita. Usa roupas de rei, monarca, possui muitas jóias e tem 4 cabeças e 4 mãos e cada uma delas segura um símbolo diferente: flor de lótus, VEDAS, armas. Vishnu também veste uma indumentária real amarela, tem jóias preciosas e possui uma guirlanda de flores comprida em volta do pescoço. Já Shiva usa apenas uma tanga, tem o corpo coberto por cinzas de crematório, possui uma guirlanda feita de crânios e tem três serpentes enroladas na cabeça.
Existe uma lenda que diz que os VEDAS foram organizados por Vyasa, um sábio que seria a encarnação de Vishnu. Ainda segundo a lenda, a cada período de destruição do mundo, Vishnu elabora as escrituras novamente em 4 livros, para garantir que os cânticos se propaguem e se eternizem. O mesmo Vyasa seria responsável por outros textos sagrados do hinduísmo, como o Mahabharata, ditado por ele a Ganesha, o deus com cabeça de elefante, que teria passado as palavras para o papel.
Segundo a filosofia védica todos os seres são parte de uma coisa só, do absoluto e o propósito dos hindus é retomar ao Brahman e voltar a fazer parte do mundo espiritual. Para isso, a alma (átman) deve estar purificada e só se consegue isso passando por diversas encarnações, livrando-se dos karmas passados.

Por Ana Carolina Clemente


Post Your Thoughts